Opinião Susana Mut (Cs): «Você traz as praias para o governo municipal?»

Falando da proteção das dunas em nossas praias, houve um fenômeno que deixou todos nós de boca aberta. Eu me explico da maneira mais concisa possível:

Em janeiro do 2017, nosso grupo municipal apresenta uma moção sobre a proteção dos cordões das dunas que é aprovada por unanimidade, Psoe incluída.

É dividido em quatro pontos. A primeira é a realização de um projeto para inventariar a situação atual e agendar ações a serem realizadas. O segundo refere-se à implementação de esforços para obter subsídios e ajuda pública em todos os níveis, incluindo Bruxelas e a Fundação da Biodiversidade. O terceiro refere-se à preparação de um Plano Diretor para os Usos das Praias de Dénia e o quarto, que apresenta as conquistas obtidas nos Prêmios de reconhecimento da Rede de Governos Locais + Biodiversidade do FEMP.

Esta é a comissão que o plenário concede UNANIMIDADE ao governo local há dois anos e meio. O que foi feito desde a Câmara Municipal desde então? Não muito, mas nada. Parece que a moção esteve em alguma gaveta esse tempo todo.

No entanto, da sede provincial das costas de Alicante, chega em 4 de julho da 2019 uma carta oficial solicitando um relatório no prazo máximo de um mês sobre o “PROJETO DE RECUPERAÇÃO DA SEÇÃO DO TRIBUNAL INCLUÍDO ENTRE O PORTO DA DÊNIA E O RIO GIRONA TM DE DÉNIA (ALICANTE) ”, dunas incluídas. A moção sai da gaveta naquele momento, já que nada foi feito antes? A equipe do governo move a posição UNANIME do plenário desde que a solicitou expressamente? NÃO, puro e simples NÃO.

O Departamento de Transição Ecológica envia um relatório a Costas na data de agosto de 12 do 2019, onde solicita a correção do que, em sua opinião, é importante. Primeiro, que os recheios no Almadrava são feitos com areia de origem marinha e não com pedregulhos, porque é um problema para a limpeza de máquinas. Segundo, considere o efeito erosivo do bombeamento no quebra-mar projetado na entrada Llobell e se suas dimensões afetarão a passagem de cetáceos pelo litoral. Terceiro, que os trabalhos a serem realizados na regeneração das dunas e o quarto comunicado à Câmara Municipal de que os portões de acesso devem ser definidos sejam definidos mais adiante.

E o movimento UNANIME?, NADA DE QUALQUER COISA.

A existência do projeto também não é comunicada às outras partes.

Ao longo do caminho, o restante dos dianenses aprende sobre a existência do projeto Costas apenas alguns dias após o final do período de alegação, com o consequente alarme social, de associações e partes afetadas pela falta de transparência e comunicação. mostrado.

cidadãos Dénia Ele é capaz de apresentar às pressas uma alegação ao Projeto solicitando que Costas inclua a moção do 2017 e isso é comunicado às outras partes locais, pois assumimos que há unanimidade de todas elas em relação à defesa de nossa costa. Para isso, apresentamos uma nova moção ao plenário para que a equipe do governo possa apresentar a Moção 2017 aos custos sob a alegação de que fizemos do Cidadão Dénia em tempo hábil.

Em princípio, parece que a situação foi salva in extremis. Mas é hora de vê-lo na Comissão de Transição Ecológica e a Conselheira de Transição Ecológica, Sra. María Teresa Pérez Conejero, nos comunica toda a sua decisão de não APOIAR a Moção. Isso causa o óbvio espanto e um pouco de descrença em todos nós que ouvimos seu posicionamento.

Mesmo assim, apresentamos a moção à sessão plenária de agosto do 29 na esperança de que o interesse de todos seja imposto e o Psoe não seja demitido do que votou dois anos e meio atrás. Quando chegar a hora da votação, todas as partes votam na moção e o PSOE VOTA CONTRA.

Vote contra seu próprio voto no 2017, incompreensível.

Visto o que foi visto, só é possível fazer algumas perguntas para tentar entender o que aconteceu. Será que o governo local não se importa com nossos custos? Ou talvez seja porque o Movimento não era de seu próprio partido, mas de Dénia Citizens? Ou é simplesmente por não reconhecer que, uma vez que o conselho tomou uma posição errada, nada além de reconhecer um erro?

Voltamos a reivindicar a tão anunciada transparência e colaboração de "mão estendida" que o prefeito anunciou a todos nós. Isso não está funcionando para #DeniaEnSerio, não está.

artigos relacionados

Comentários sobre "Opinião Susana Mut (Cs):« Você traz as praias para o governo municipal? »»

2 Comentários

  1. Yolanda tellaeche :

    Existem muitas deficiências nas dotações de infraestrutura das praias, não há chuveiros, as lavadoras de pés estão enferrujadas, algumas não funcionam, poucos contêineres de lixo, nenhuma solução para que as pontas de cigarro não sejam jogadas na areia, dunas e pinheiros Ponta de Raset como depósito de lixo e WC para todos, é claro, sem contêineres de lixo, entrada no portete uma parte com calçada e outra parte de terra….
    Estradas das marinas sem calçadas e algumas áreas sem infraestrutura indireta, “apenas para carros”, todas as urbanizações terão pago seus impostos de habitabilidade e o IBI anual, mas não recebem os serviços mínimos, algo não funciona na DENIA

  2. Emilia :

    Eles poderiam ter as praias mais limpas e bem cuidadas, no horror de Les Bombetes: muitos pagamentos de impostos, mas limpeza e cuidados, mas patatero. O serviço de limpeza, reciclagem e lixo não pode ser pior. Espabilar que você tem muita cara

*

33.565
3.865
6.186
1.575
Utilizamos cookies próprios e de terceiros para oferecer publicidade personalizada e coletar dados estatísticos. Se você continuar navegando, consideramos que você aceita nossos política de biscoitos.