Dénia.com
Pesquisar um artigo

Os vereadores da nova legislatura de Dénia: os novos rostos e os que se despedem

Junho 04 de 2023 - 05: 40

Quem governa, a nova legislatura de Dénia começará em duas semanas. A Câmara Municipal abrirá as portas para a nova posse, na qual muitas caras novas ocuparão cadeiras que ficaram vazias.

Em meio a tanta mudança, vale lembrar quem sai da Câmara Municipal e quem dela faz parte pela primeira vez. Há também quem volte depois de um tempo afastado. Estas são as novidades e ausências da nova legislatura de Dénia:

PSPV

Novidades

Marta Gasco

Ele se formou em Engenharia da Computação e desde 1999 vive em Dénia. Ela participou ativamente do esporte da cidade, sendo treinadora do clube de vôlei e fazendo parte do Dénia Rowing Club. Ela também está envolvida nas festividades da cidade, fazendo parte do FILA Almogàvers, chegando a ser tesoureiro do FEMMICC. Ele também colaborou com a Caritas e empreendeu outros projetos humanitários.

Ausências

Maite Pérez Conejero

Ela foi esta última legislatura como a terceira vice-prefeita e vereadora para a Transição Ecológica. Como chefe da área, ela conseguiu fechar o novo contrato de lixo do réu e milionário para Dénia. Um feito muito aplaudido dentro do partido. Além disso, com ela como prefeita, La Xara finalmente abriu as portas da escola pública que pôs fim a anos de quartel. Embora ela deixe a Câmara Municipal de Dénia, ela certamente se repetirá como prefeita da EATIM.

Óscar Mengual

Ao longo dos anos tem sido uma das faces mais visíveis da formação por ter sido o Conselheiro das Festas e Normalização Linguística. A sua área principal, Fiestas, foi duramente atingida pela COVID mas fez um trabalho louvável de adaptação às comemorações, apresentando programas alternativos quando a situação era sombria e incerta. Além disso, foi deputado provincial e secretário-geral da PSPV em Marina Alta até o 2022.

Elisabet Cardona

Durante a legislatura da COVID, ele esteve à frente da área de Políticas Sênior, especialmente sensível durante a pandemia. Além disso, lidou com os protestos dos trabalhadores da residência Santa Llúcia, chegando a acordos que finalmente evitaram a greve.

Juan Sapena

É o único vereador socialista da última legislatura que não se vai repetir apesar de voltar a figurar na lista. Ficou na décima primeira posição, pelo que exigiu um melhor resultado do PSPV para poder regressar à Câmara Municipal. Ele está à frente da Secretaria da Juventude desde 2021, entrando no governo em meados do legislativo após a renúncia de Cristina Morera.

PP

Novidades

Pepa Font

Pepa Font retorna à linha de frente política depois de descansar na última legislatura, e o faz para liderar o novo projeto do PP com o qual conseguiu ampliar a representação para sete vereadores. Font é especialista em laboratórios de análises clínicas, formado em Farmácia pela Universidade de Valência. Além disso, ela está intimamente ligada ao esporte na cidade, especificamente ao basquete devido à sua experiência como jogadora, tornando-se fundadora e primeira presidente da Dénia Basquet em 1996-1998 e em 2007-2015.

No entanto, se ele se destaca, é por sua vasta experiência política. Fundou e liderou o partido independente Centro Unificat, com o qual concorreu à Câmara Municipal em três legislaturas. Antes disso, foi vereadora do Partido Popular, de 1999 a 2003. Entre 2008 e 2015, foi Primeira Vice-Presidente da Câmara, bem como responsável por áreas tão importantes como o Urbanismo, Desporto, Cultura ou Turismo. Ela também foi a promotora da Dénia Creative City of Gastronomy pela UNESCO.

Juan Carlos Signes

Outro veterano político e confidente de Font: Juan Carlos Signes. É uma pessoa muito ligada ao esporte na cidade, chegando a ser capitão do CD Dénia. Ele tem sido a aposta popular do projeto esportivo durante a candidatura, ocupando a terceira posição da lista.

Marian Molto

Marian Moltó foi a quarta colocada na lista do PP. A formação evidencia o seu grande conhecimento do Mercado Municipal.

Stephen Chornet

Esteban Chornet, um velho conhecedor da política de Dianense, entra depois de ocupar a quinta posição na lista de Font. Ingressa no projeto de Pepa Font “pelo consenso e responsabilidade que o caracterizam”.

Planícies de Ygarza

Higienista dental e, recentemente, nomeada prefeita fallera da falha Centro. Llanos Ygarza foi o número seis na lista.

Carlos Barona

Carlos Barona é advogado de Dianense, muito envolvido com as entidades sociais da cidade. Por isso, liderou o programa social que Font apresentou durante a candidatura.

Ausências

María Mut

María Mut Ela foi a líder popular durante a legislatura que se encerra, jogando nas costas todo o trabalho que foi necessário para resistir com um partido que passava pelo seu pior momento em todo o país. Conseguiu vários acordos unânimes, sendo ele quem idealizou o Debate Municipal, projeto que foi muito bem recebido e que Grimalt defendia que ficaria para sempre.

A formação dispensou-o para esta legislatura de forma negativa, segundo Mut, que Ele não hesitou em criticar abertamente e abertamente em sua entrevista coletiva de despedida, garantindo que nem Font contou com ela em nenhum momento nem ela quis trabalhar com seu substituto.

Eva Catalá

Foi a terceira popular da última legislatura e pessoa de confiança de María Mut. Embora Pepa Font a tenha mantido na sua equipa, colocou-a na décima segunda posição da lista, o que quase certamente a deixou fora da Câmara Municipal. Como tem acontecido.

compromis

Novidades

María José García

Não é um rosto desconhecido dentro ou fora compromis, formação na qual vem ganhando notoriedade nos últimos anos. Ligada ao movimento feminista, está desde 2021 como secretária regional e representante territorial na executiva nacional do Més-Compromís. Ele tem 46. Diplomada em Graduação Social pela Universidade de Valência, trabalha como gerente em um departamento de administração de energia renovável. É co-fundadora de uma empresa de educação ambiental que luta pela preservação das aves e do meio ambiente. Vinculada ao festival Fallera, onde ocupou os cargos de secretária, tesoureira e Fallera Mayor 2011 de uma comissão.

Valen Alcalá

Uma das grandes jovens promessas da Compromís. Valen tem 29 anos e é designer de produto e designer gráfico pela EASD de Valência. Atualmente trabalha como designer gráfico e coordenador de identidade de marca no Departamento de Design e Marketing da Clave Dénia (Ale-Hop). Apaixonado por Falhas, que vive do ponto de vista do design, da moldagem e da cultura valenciana. Assim, ele faz parte de uma comissão de Fallas na qual tem sido responsável pela parte artística e cultural. Fã de esportes e sua prática no meio ambiente, atualmente faz parte da Dénia Corre.

Ausências

Eva Rodada

Ele era o braço direito de Rafa Carrió na última legislatura. Segundo o comunicado emitido pela formação para anunciar a ausência de Ronda, a ainda vereadora do Compromís não foi incluída na lista "por motivos profissionais e pessoais", mas afirmaram que continuará "a dar-nos todo o seu apoio, conhecimento e experiência".

Vicent Crespo

Enfrenta veterano nas fileiras do Compromís, que se afastou do topo da lista nestas eleições, permanecendo em quinto lugar, razão pela qual não conseguiu se repetir como vereador. É Técnico de Construção (GIPE) do Politécnico de Málaga e, embora atualmente aposentado, é gerente da construtora Crespo-Espí há mais de 40 anos. Ligado ao mundo cultural, desportivo e festivo do concelho, foi presidente da AMMIC (antiga Associação de Moros y Cristianos), e foi co-fundador e presidente do Valencian Pilota Club e da Associação do Hermitage de Sant Joan e Rondalla Vent Pols i Pua. Foi vereador do Desporto na Câmara Municipal na legislatura 2015-2019, e vereador do Compromís na oposição na legislatura que está a terminar.

Vox

Novidades

Felix rodada

O partido de extrema direita entra pela primeira vez na Câmara Municipal de Dénia, embora com apenas um vereador. Assim, o seu porta-voz, Félix Redondo, ocupará a tão sonhada cadeira depois de não a ter alcançado nas eleições de 2019, onde concorreu pela primeira vez como número um do Vox na cidade. De qualquer forma, ele não é novo na política, já que anos antes já havia sido filiado ao Partido Popular.

Cidadãos

Ausências

Susana Mut

Líder dos Cidadãos durante a legislatura que termina. Ele assumiu a responsabilidade após deixá-lo na mesma noite de eleição em 2019, que era então candidato a prefeito pelo partido. Ela tem sido muito ativa, junto com seu grupo, ao longo da legislatura. Com um corte mais centrista, sim. Mais perto dos Citizens originais. Suas propostas em diversas áreas, como Bem-Estar Animal, eram mais progressistas do que as do PSPV e do Compromís (uma grande pendência para estes).

Ele alcançou entendimentos com todas as formações. Da mesma forma, ela tem sido uma das grandes oradoras desta legislatura, embora não tenha aproveitado mais, prevalecendo, por exemplo, no debate da campanha eleitoral da Rádio Dénia para praticamente todos os outros candidatos. No entanto, a situação de seu partido em nível nacional o castigou e todo o seu grupo desapareceu do consistório.

Stephanie Schwamb

Mão direita de Mut desde 2019. Uma vereadora muito ativa em cada sessão plenária realizada pela Câmara Municipal de Dénia, com intervenções nos moldes de seu porta-voz. Apesar de seu trabalho ter sido correto nos últimos quatro anos, passou a ocupar a terceira posição na última candidatura. Embora ter ficado com os dois também não teria permitido que ele voltasse ao consistório.

2 Comentários
  1. Jose Luis diz:

    É um tanto curioso que o vereador eleito do Vox seja o único que move o editor do artigo a atribuir-lhe uma qualificação ideológica, “…a extrema-direita…”. Parece que os demais partidos ou não definiram sua posição no cenário político/ideológico, ou não vale a pena lembrar aos leitores qual é.
    Não votei no Vox nem compartilho de sua ideologia política, mas acho que, como todos os partidos, por respeito aos cidadãos que representam, merecem tratamento igualitário por parte do editor de um veículo de comunicação, se se dizem justos e independente nas informações que oferece aos seus leitores, ou pelo menos pretende ser.

    • José S. Ronda diz:

      É a linha editorial deste meio. Diz pouco a seu favor, chegamos às instituições. para trazer um ar fresco e deixar de ser uma festa triste, manteremos contato


37.861
4.463
12.913
2.680